A importância das afirmações positivas!

Nós seres humanos estamos sempre cercados de informações.

Quando crianças são nossos pais ou responsáveis pelo nosso desenvolvimento que nos preenchem das informações básicas para a sobrevivência no mundo.

Desde o primeiro banho, as primeiras palavras, os primeiros passos, tudo isso vai sendo aprendido dentro de uma moldura que é formatada pelos que vieram antes de nós.

Na infância o aprendizado escolar, religioso, na adolescência a orientação sexual e dessa forma tudo o que nos vai sendo ensinado fica gravado dentro da mente.

Ao longo da vida de adultos iremos acessar como modelo básico o alicerce onde foi moldado os nossos valores primeiros.

Mas dando um passo para trás, na adolescência, nós iremos naturalmente tentar quebrar alguns desses alicerces, como forma natural de auto-afirmação, e o resultado dessas experiências igualmente ficaram impressos em mais uma camada de aprendizados dentro da nossa mente.

E assim por diante a cada nova etapa de crescimento e relacionamentos interpessoais do Ser iremos imprimir novas emoções em nosso mais íntimo.

Quando chegamos a idade onde foram alcançadas, ou não, as etapas esperadas pela maioria, como a formação profissional, o casamento, os filhos... É que poderá ocorrer uma grande revolução no interior de muitas pessoas.

Casamentos acabam, doenças emocionais com reflexos na saúde física se expressão, e assim muitos de nós entram num turbilhão de indagações, especialmente numa sociedade onde o culto à juventude é ainda bastante valorizado.

Mas você pode estar pensando nesse momento, onde fica o princípio da mentalização positiva, e eu direi ele não ficou, nessa longa trajetória da experiência humana em nossa sociedade materialista não somos, com raras exceções, educados para a disciplina do pensamento qualitativo, se assim fosse não teríamos tantos problemas de bowling, basta não ser como a maioria do grupo para ser alvo de escárnios e agressões.

Somos educados para 'termos', não sermos, termos boa nota, termos boa graduação, termos um bom emprego, termos um bom carro e assim por diante.

Bem melhor, deveríamos ser estimulados a 'sermos', bons alunos, bons amigos, bons profissionais, bons empregados e empregadores, bons motoristas e assim por diante.

Se  fossemos estimulados à educação da mente, e não apenas disciplinados, dentro desse ou daquele conceito, teríamos forças para atingir todas as etapas da vida com vigor.

Dois pequenos exemplos de conduta:

'...filho vai estudar senão você não passa de ano, quer ser lixeiro quando crescer? Seu primo só tira nota alta, mas também estuda muito...'

No lugar de...

...'e aí meu filho como estão as coisas na escola e sua lição, está com alguma dificuldade? Você é um menino forte e inteligente e dúvidas fazem parte do aprendizado, caso não tenha entendido alguma coisa muito bem é só dizer...'

No primeiro caso além de deixar impresso na mente da criança que só se alcança alguma coisa na vida com grande esforço e sacrifício ainda demonstra preconceito à profissão de lixeiro.

No segundo caso a criança é estimulada a expressar a sua inteligência e preparada para alcançar seus objetivos com naturalidade, e ainda que não exista nenhum problema o fato de ter dúvidas em algum momento.

Lembremos que cada palavra impressa na paisagem mental se transforma num conceito por toda a vida por vezes escondido bem no fundo de nosso subconsciente que é onde fica instalada a maior parte de nossas lembranças.


Dessa forma o menino que foi educado a se 'matar' de estudar, caso contrário não conseguindo alcançar seus objetivos, muito provavelmente vai ser um marido e um pai relapso que irá priorizar o trabalho de forma a preterir sua família se instalando assim o primeiro passo para mais uma etapa da desestruturação familiar, a menor célula da sociedade e uma plataforma importante para todas as outras formas de sociedade.

********************************************************

Ivone Leão

As desarmonias são reflexos da mente em desarmonia!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz se deixar sua impressão sobre essa postagem, obrigada!!